27ª edição do Anima Mundi promove Anima Forum na Unibes Cultural

27ª edição do Anima Mundi promove Anima Forum na Unibes Cultural

De 24 a 26 de julho, dentro da programação do 27º Anima Mundi, ocorrerá o Anima Forum, encontros em que animadores, cineastas, produtores e todos os envolvidos na cadeia de produção de animação no Brasil e no mundo se reúnem para refletir, discutir, avaliar e planejar os rumos do setor. Nesta edição, a Unibes Cultural receberá as mesas de debate e workshops, que contarão com a participação de grandes nomes da animação nacional.

O grande destaque será apresentação do primeiro Mapeamento da Animação no Brasil, uma pesquisa realizada pelo Anima Mundi em parceria com a empresa de consultoria Jleiva Cultura & Esporte. O painel que acontece na quarta-feira, dia 24 de julho, mostrará um importante relato sobre a realidade do mercado, em especial, sobre empresas e profissionais que produzem animação no Brasil, e contará com a presença de Cesar Coelho, um dos diretores fundadores do Anima Mundi, Fernanda Cintra, diretora executiva do festival, além de Reynaldo Marchesini, Ricardo Rozzino, Samuely Laurentino.

No mesmo dia, a cineasta Lais Bodansky (“Como Nossos Pais”), participa de uma mesa sobre o mercado da animação brasileira junto a gerente executiva Marianna Souza e a produtora Luiza Favale, com mediação de Rachel Valle, gerente de projetos audiovisuais do Projeto Paradiso. Na quarta-feira também serão apresentados cases de animação publicitária que abordaram de forma inovadora temas de responsabilidade social. E o designer de produção Paulo Muppet, sócio-fundador da Birdo, responsável por produções como “Clube da Anittinha”, promove uma masterclass do processo de pensar a animação sob o ponto de vista da biologia.

Já na quinta-feira, dia 25 de julho, acontece a Mesa Animação para Adultos, com participação de Krishna Mahon, criadora do canal do YouTube Imprensa MahonMarcelo Pereira, Cesar Cabral e mediação de Cesar Coelho, um dos diretores fundadores do Anima Mundi. O debate abordará o crescente mercado de animações  voltadas ao público adulto, e oportunidades das empresas de streaming. O dia também contará com um bate papo com Davi Costa  sobre as novidades de uma das mais importantes empresas de softwares para animação profissional do mundo, a Toon Boom Animation.

O segundo dia de Anima Forum receberá também um workshop de trilha sonora para animações com Gustavo Kurlat e Fábio Stamato, da Ultrassom, além de uma palestra sobre Animação para crianças, em que Reynaldo Marchesini e Teresa Rego vão abordar os desafios da criação de animações para o público infantil. Marchesini também vai mediar a mesa sobre coprodução no Brasil, em que Marcelo Pereira, Gabriel Garcia, Aline BelliDucca Rios debatem sobre o que falta para que ocorram mais coproduções entre estúdios e produtoras do país.

Na sexta-feira, dia 26 de julho, destaca-se a mesa que reúne lideranças femininas da animação para debater sobre processo criativo e executivo de seus atuais projetos. Dani O Campo, Priscila Kellen, Beth Carmona e Lena Franzz terão a mediação de Ana Lúcia Godoy. Neste dia a equipe da Mauricio de Sousa Produções participa com uma apresentação da jornada das animações da empresa. Já os diretores da Pinguin Content também marcam presença. Ricardo Rozzino compartilha seus aprendizados sobre dois grandes sucessos criados pela produtora: “Peixonauta” e “Show da Luna”.

Ainda no último dia de Anima Forum, o advogado Gilberto Toscano avalia quais os principais cuidados na proteção dos direitos autorais das criações em animação. A programação também compreende o Anima Coaching, espaço exclusivo do Anima Forum onde vários projetos de animação, de iniciantes ou experientes, recebem orientações de profissionais das áreas de Distribuição, Mercado, Narrativa, Consultoria Pedagógica, Produção e Regulamentação. O vencedor do prêmio Super Coaching passará quatro horas dentro de um grande estúdio de Animação, recebendo atendimento intensivo de profissionais das diversas áreas do estúdio. E cinco projetos selecionados  ganharão um desenvolvimento imersivo com a Boutique Filmes.

Post Author: Luiz Henrique Oliveira

Nascido em Capão Bonito, criado em Itapetininga, residente de São Paulo. Gosta de filmes, de séries, de livros e de dar uns rolês aleatórios. Acha "O Poderoso Chefão" o melhor filme do mundo quando não lembra que "2001" consegue ser melhor. É religioso: tem muita fé em Stanley Kubrick.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *